Institucional
Imprimir Partilhar

Suspeito de onda de assaltos na cidade em prisão preventiva

Autarquia congratula-se com o sucesso desta operação da PSP de Espinho que desenvolve um trabalho competente e eficaz com muito poucos meios
Ficou em prisão preventiva o homem de 47 anos, detido pela PSP de Espinho por suspeita de ser o autor da onda de assaltos e de furtos ocorridos na cidade, nas últimas semanas.
Na última noite foram detidas mais duas pessoas, alegados autores dos crimes de ameaças e roubos a pessoas e residências que serão presentes amanhã ao Juíz de Instrução Criminal.
A Câmara Municipal de Espinho congratula-se com o sucesso desta operação levada a cabo pelos comandos e agentes das forças de investigação criminal da Divisão da PSP de Espinho que desenvolvem um trabalho competente e eficaz com muito poucos meios.
Com estas acções levadas a cabo pela Divisão da PSP de Espinho, o presidente da Câmara Municipal, Dr Pinto Moreira, espera que o sentimento de segurança  seja restabelecido na cidade e que há boas razões para apoiar e confiar no corpo da Polícia de Segurança Pública que garante a segurança de pessoas e bens em todo o concelho.

Ler mais