Museu Municipal de Espinho

Imprimir Partilhar
"Um museu é uma instituição permanente, sem fins lucrativos, ao serviço da sociedade e do seu desenvolvimento, aberto ao público, e que adquire, conserva, estuda, comunica e expõe testemunhos materiais do homem e do seu meio ambiente, tendo em vista o estudo, a educação e a fruição.” ICOM - International Council of Museums
O Museu Municipal de Espinho está situado no Fórum de Arte e Cultura de Espinho (FACE), antiga Fábrica de Conservas Brandão, Gomes & C.ª. Constitui-se como um espaço dinâmico, de interacção entre o passado e o presente, delimitado pelas fronteiras de uma comunidade que foi ao mesmo tempo piscatória e operária. A concepção museográfica integra três exposições permanentes: fábrica de conservas, arte xávega e bairro piscatório/operário. A funcionalidade do museu municipal passa, também, por uma galeria de exposições temporárias, pelo centro de documentação e investigação em história local e por um serviço educativo aberto às escolas e restante população. O blogue assume-se como uma mais-valia na relação que se pretende estabelecer com o público que nos visita; um local participativo, onde todos têm a palavra e nunca esquecendo a divisa "melhorando sempre”. 

A renovação funcional da antiga Fábrica Brandão, Gomes integra uma vertente de desenvolvimento cultural e preservação da memória colectiva da comunidade local.

Nesta perspectiva, o Museu Municipal de Espinho surge como uma instituição de pesquisa e comunicação que tem como âmbito a comunidade piscatória e a indústria conserveira de Espinho. O Museu procura caracterizar o Bairro da Marinha, a Arte da Xávega e tornar compreensível o lugar da Fábrica Brandão, Gomes no fenómeno conserveiro nacional e mundial.
Ler mais